Menu

domingo, 8 de janeiro de 2017

A Lâmina da Assassina - Sarah J. Maas (Resenha #182)

Editora: Galera Record
Paginas: 406
Capa: ★★
História:  
Sinopse: Conheça o caminho da assassina. Pavimentado com sangue, lágrimas e suor. Implacável, sedutora, letal. Poucos conhecem seu rosto, menos ainda sobrevivem à sua fúria. Não é  á toa que Celaena Sardothian é sinônimo de morte. Suas lâminas são certeiras, assim como seu estranho código de honra e seu aguçado senso de justiça.

Sou muito suspeita para falar dessa serie, sendo uma das minhas favoritas, já vai fazer dois anos, da mesma autora de Corte de Espinhos e Rosas(segunda serie favorita).

Esse livro é o número quatro em lançamento da serie, mas resolvi começar por ele, pela seguinte razão, ele traz a vida de Celaena antes do primeiro livro Trono de Vidro, e esse é meu conselho para quem vai inicia agora, pois ele nos traz personagens que voltam para serie. Como é um livro com vários contos o cenário e os personagens variam muito.

Na baía da Caveira vamos conhecer Capitão Rolfe, lorde dos piratas, ele tem algo que Celaena quer mais que qualquer outra coisa, e é ai onde tudo começa!
A caminho do deserto vermelho, ela conhece Yrene uma curandeira a quem Celaena ensina uma ou duas coisas, mas também recupera um pouco a esperança. No deserto vermelho vamos conhecer o mestre mudo,um mestre diferente de tudo que ela já viu e Ansel a primeira amiga de Celaena. De volta a cidade vamos rever Sam, Arobynn e conhecer a adorável Lysandra...

Quando li pela primeira vez, achei a leitura um tanto massante,mas dessa vez pelo fato de saber o que vem pela frente, consegui usufruir muito a leitura e ver coisas que deixei passar da primeira vez, guardar os personagens é bem importante, faz com que mais na frente você entenda tudo com mais facilidade, o final é emocionante e de partir o coração, os anteriores a esses são Trono de vidro(1),Coroa da Meia-Noite(2), Herdeira do Fogo(3), A Lamina da Assassina e Rainha das Sombras(4), esses são os lançados no Brasil,mas ainda tem mais dois para encerrar a serie.


sábado, 7 de janeiro de 2017

Eu Fico Loko - Christian Figueiredo (Resenha #181)

Editora: Novo Conceito 
Paginas: 160
Capa: ★★
História:  

SKOOB
Sinopse: Ele só precisou de uma câmera, muita criatividade e um pouco de coragem para criar um dos vlogs mais acessados do YouTube. O EU FICO LOKO é recordista absoluto de views e inscrições, com mais de 1 milhão e 500 mil assinantes.

Para os entendedores, o Christian hoje é um vlogger e um youtuber dos mais bombados. Mas na verdade ele é apenas um cara que gosta de escrever e que transformou o papel em vídeo.
Todos os dias, milhões de jovens procuram pelo Christian em suas redes sociais para saber o que ele está pensando. O porquê desse sucesso fora do normal você vai descobrir neste livro.



É um livro onde o Christian conta sobre sua vida, principalmente os casos que houve destaque na sua infância e adolescência. Hoje ele é um youtuber famoso (não o conhecia, mas fui dar uma olhada), porém ele nem sempre foi  popular ou extrovertido, como conta no seu livro. Ele também conta algumas histórias como seu primeiro beijo e primeira vez.

Apesar de não ser um tipo de leitura que eu goste tanto, a leitura foi agradável, muitas das histórias me entreteram, assim a leitura foi rápida. A arte visual ficou muito legal, pois foram inseridas fontes diferentes e várias fotos do Christian. O livro cumpre seu papel de entreter, principalmente ao público destinado, que são adolescentes. E o livro tem uma continuação.



terça-feira, 27 de dezembro de 2016

Dente Por Dente: Olho Por Olho # 2 - Jenny Han e Siobhan Vivian - (Resenha #180)


Páginas: 510
Editora: Novo Conceito 
Capa: ★★
História:    

SKOOB

SINOPSE: Depois dos acontecimentos do homecoming, Reeve foi parar no hospital, com uma perna quebrada, e seu futuro como atleta está ameaçado. As meninas se sentem culpadas por toda a situação. Não esperavam que as consequências do plano fossem tão graves. Quase perderam o controle. Já que Reeve está mais arrogante do que nunca, o jeito será aplicar nele uma dose do seu próprio veneno e esperar que aprenda a lição. O acidente no baile deixou marcas profundas na consciência de Lillia, Kat e Mary. Sentimentos como amizade, lealdade e ódio se misturam, questionamentos sobre limites... Alguns segredos são mais difíceis de guardar. Aliás, o que são essas coisas estranhas que estão acontecendo com Mary? À medida que Lillia, Kat e Mary descobrem verdades incômodas sobre os moradores da ilha, percebem também que não se conheciam como pensavam. Cada vez mais elas lidarão com o sentimento de que talvez tenham ido longe demais...





A continuação inicia-se do mesmo ponto que terminou em olho por olho. A amizade de Kat, Lilia (Cho) e Mary está mais forte, a vingança que havia começado não pode ser parada agora. Mary quer partir o coração de Reeve e vão usar Lilia para isso. Daí começa as tentativas de aproximação de Lilia com Reeve. Entre esse desfecho, temos a aproximação de Alex e Kat, mas algo bem menos que no primeiro livro, senti falta disso. Mary está mais solta e participativa e algo tá estranho nela também. Renie é a mesma vaca do primeiro livro. Até quando uma pessoa engana, finge sentimentos por uma pessoa, sem ser envolvido completamente e Cho vai descobrir isso de uma forma  ou de outra.


As autoras trouxeram uma excelente dinâmica na narrativa, o livro é grosso, mas li tão rápido que parecia ser um livro fino, afinal a leitura me prendeu por completo. Nesse livro temos um enredo tão bom quanto o primeiro e o desfecho nos deixa ávida por mais. O final foi intrigante, ótimo mesmo. Foi impossível não gostar do envolvimento da Cho e do Reeve, ao mesmo tempo em que torcíamos por eles, também torcíamos para que a vingança desse certo, um dilema. Não vejo a hora de saber mais sobre a revelação que nos foi dada sobre a Mary e saber como a Cho e Kat vão lidar com os fatos ocorridos. Adoro essa capa assim como a do primeiro volume. Terminei em êxtase, louca por mais e como não recomendar um livro assim. 


Volume final será lançado agora em janeiro pela Novo Conceito e eu estou super ansiosa para concluir a série que pra mim faz parte das minhas favoritas.


Onde Comprar: AmazonSaraiva / Cia dos Livros

Beijos tuk tuk tuk :*

Aviso e retorno de postagens de forma regular

Oi leitores, visitantes, passantes rs..

Só para esclarecer, o blog ficou parado por um tempo, pois estavamos com muitas demandas pessoais, depois passamos a postar esporadicamente, mas agora acredito que conseguiremos manter regularidade nas postagens, pelo menos 3 vezes na semana, assim o blog não fica sem conteúdo e não deixamos de fazer o que gostamos.

Como já falei antes, estamos com um instagram @resenhasde1minuto com intuito de postar resenhas rápidas em áudio de 1 minuto, como o próprio nome sugere, quem puder passar lá será bem vindo e ficamos agradecidas!

Além dele tem a fanpage de mesmo nome do blog.

Todos os comentários e visitas na medida do possível são retribuídos.
Fiquem a vontade para nos chamar para uma conversa, sorteio ou qualquer outro.

Beijos!

Gil e Karen!

quarta-feira, 21 de dezembro de 2016

Um Passeio no Jardim da Vingança - Daniel Nonohay (Resenha #179)

Páginas: 302
Editora: Talentos da Literatura Brasileira (Novo século)
Capa: 
História:  


SINOPSE: As grandes cidades convivem com a divisão entre as “zonas vigiadas” e suas periferias. O uso de drogas e medicamentos é disseminado, sendo controlado por laboratórios. Implantes cibernéticos são uma realidade, aumentando capacidades e aptidões, como a de memória, para aqueles que conseguem arcar com os custos. Religiões e grupos terroristas alimentam-se do descontentamento e das diferenças sociais. Venha acompanhar a história de Ramiro, um advogado que perdeu o prazer de viver. Depois de quase ser morto, tenta retomar a rotina profissional e dar sentido ao que restou da sua vida. Em litígio com os sócios do escritório, parte como caçador em busca de uma vingança que o acabará transformando em caça. Perseguido, doente e sem recursos, a sobrevivência de Ramiro dependerá da sua capacidade de improvisação, do seu conhecimento de sistemas de dados e das aptidões adquiridas com dois implantes cerebrais, que lhe permitem acesso à “rede” e aumentam a sua memória.


O livro nos conta a história de Ramiro um advogado, sócio de uma empresa importante, casado. Durante seu trabalho, ele sofre um acidente/atentado e é ai que tudo começa. Na busca pelo culpado, ele encontra importantes informações de sua empresa por meio de pesquisas através de um implante de memória, no qual ele retêm todas as informações(sonho de consumo!) pesquisadas. A narrativa é dividida em livro 1 e 2 com subdivisão de 3 partes em cada. Cada parte trás um momento da história e o foco em um ou mais personagens. Na segunda e terceira parte da história conhecemos mais afundo Amanda, a esposa de Ramiro e seus sócios. A narrativa tem suas nuances de Sci-fi, assim como de suspense. Como o autor trás na sinopse sobre divisões que ocorrem na cidade, drogas, implantes cibernéticos, acredito que ele poderia ter explorado mais essa questão, o que isso influenciava na vida das pessoas, enfim, é uma boa história.


O ponto positivo foi essa inovação que o autor trás dos implantes seu uso, bem interessante, particularmente gostei do desfecho da parte três do livro. Também gostei dos personagens, achei o Ramiro um personagem que foi bem trabalhado pelo autor e uma revelação foia a Amanda, pois no início não dei crédito a ela, mas depois ela me surpreendeu. O ponto negativo pra mim (isso opinião pessoal) é que a parte final ficou meio que aberto, a história sugere o fim, mas eu queria saber mais sobre o grupo religioso que aparece e também que em alguns momentos a história ficou arrastada, voltando a fluir bem do meio para o fim. Com relação às características físicas do livro, ele é agradável aos olhos (páginas amarelas, a fonte, o tamanho), gosto da capa, não que isso influencie a leitura, mas gosto quando a capa ou título condiz com a história. Fica a dica para quem assim como eu gosta de ler os livros de nossos autores nacionais.



Site do Autor (opção de compra lá também) / Comprar o livro / Twitter do Autor / Página do autor

Até a próxima resenha!
Ah: Quem não conhece o instagram do blog, passa lá depois @resenhasde1minuto resenhas em áudio :*

segunda-feira, 25 de julho de 2016

Resenha Namorado de aluguel (Resenha #178)

Páginas: 250
Editora: Verus Editora
Capa: ★★
História:  


 Namorado de aluguel retrata a jornada inesperada de uma garota para encontrar a si mesma — e possivelmente até o amor.
 Quando penso nesse livro,o que me vem a cabeça é as fazes que vivemos na vida,acho que vocês já perceberam que eu sempre tento achar algo construtivo nos livros que leio rsrs,(por mais bobo que o livro possa vim a ser kkk).

 Quando o Bradley namorado da Gia termina com ela na entrada da festa de formatura dela,ela se vê sem opção a não ser pegar um cara qualquer pra se passar por namorado ou seja substituto ou como gosto de falar dublê,para poder provar as amigas que ele realmente existe(o que na minha idade(25) hoje achei muito imaturo e bem improvável de acontecer na vida real,mas quando somos adolescentes não pensamos nas consequências,bom pelo menos eu n pensava). Ela tem que provar por que a amiga/inimiga dela, Jules acha que ela esta mentindo...

 A leitura foi muito rápida,li em oito horas pra ser mais exata rsrsrs...Os personagens que mais gostei foi a família do dublê/substituto do Bradley e não,não vou falar o nome dele porque faz parte de umas das cenas mais fofas do livro, a irmã dele Bec é bem legal,muito adolescente se isso pode ser usado para distinguir alguém,a Gia ainda não sabe quem ela é,mas pelo que vi ,ela é bem especial,boa mesmo quando não deveria ser,as "amigas" dela  a Claire e a Laney são um pouco maria vai com as outras, como a própria Gia e a maioria dos adolescentes(parei!) e não podemos deixar de fora a falciane da estoria né, a Jules,a louca que quer as amigas da Gia. O dublê/substituto(é serio não vou dizer o nome dele) do Bradley é bem legal,sensato e muito fofo em seu modo de ser,ainda tem o Drew irmão da Gia que é meio babaca,mas no fundo legal...eu acho,os pais deles que parecem uns robôs,o Bradley de verdade que também é meio babaca,mas não é tão ruim assim,entre outros, pensei que eram poucos, mas pensando melhor são vários personagens leia e você vai descobrir o resto!

 Como estava precisando de uma coisa simples e leve,caiu como uma luva,leitura super gostosinha,o drama moderado,engraçado em varias partes.

 Gostei do final, não tem espaço para um segundo livro e esse deixa um gostinho de quero mais e satisfeita ao mesmo tempo do jeito que gosto. Espero que tenham gostado,ate a próxima!


sábado, 23 de julho de 2016

Resenha Zac e Mia-A.J.Betts (Resenha #177)

Páginas: 288
Editora: Novo Conceito
Capa: 
História:  

A última pessoa que Zac esperava encontrar em seu quarto de hospital era uma garota como Mia - bonita, irritante, mal-humorada e com um gosto musical duvidoso.
No mundo real, ele nunca poderia ser amigo de uma pessoa como ela.
Mas no hospital as regras são diferentes. Uma batida na parede do seu quarto se transforma em uma amizade surpreendente.
Será que Mia precisa de Zac? Será que Zac precisa de Mia? Será que eles precisam tanto um do outro?
Contada sob a perspectiva de ambos, Zac e Mia é a história tocante de dois adolescentes comuns em circunstâncias extraordinárias.




O livro é separado por capítulos de Zac e de Mia, assim vamos conhecendo a história através dos dois lados. Zac está no hospital fazendo tratamento quando ele conhece Mia, uma garota barulhenta, mimada e que só faz brigar com a mãe, já Zac é o oposto disso, ele faz de tudo para ver sua mãe satisfeita, afinal ele já impõem um sofrimento a ela devido a sua doença. Mia nunca deu tanta abertura a Zac no hospital, mas é quando o tempo passa que ela resolve procurá-lo fora do hospital, pois esta fugindo e precisando de ajuda. Zac está vivendo sua vida bem, quando embarca no mundo de Mia para ajudá-la, e aos poucos Mia vai percebendo o que realmente importa e quem realmente importa. Mas no final de tudo quem realmente irá precisar de ajuda e apoio?
Muitas vezes quis bater na Mia pelo seu egoísmo, mas também ao descobrir o que aconteceu passamos a entender alguns de seus ataques. Zac é um garoto excelente e me surpreendeu algumas atitudes ao fim da história. Acho que faltou algo na história, talvez por achar algumas semelhanças com outros livros do gênero sicklit, mas ainda sim gostei da forma como a autora conduziu os fatos e as mudanças que ocorrem na história, principalmente a mudança que ocorre na Mia e o que ela faz com essa mudança.


Alguém já leu, gostou? Leriam?