Menu

segunda-feira, 14 de março de 2011

Livros dedicados ao facebook

Boa Noite,como foram de fim de semana??
Devido a febre da rede social Facebook, resolvi falar sobre os livros que são dedicados a ele, são 2 livros que estão entre os mais vendidos da editora intríseca...

Bilionários por acaso: A criação do facebook, uma história de sexo, dinheiro, genialidade e traição...

Ben Mezrich

Páginas: 232

Lançamento: 22-10-2010
Preço: R$ 29,90


Sinopse: Best-seller do The New York Times, Bilionários por acaso é uma narrativa em alta voltagem sobre dois estudantes desajustados de Harvard que tentavam aumentar suas chances com o sexo oposto e terminaram criando o Facebook.

Protagonizada pelo brasileiro Eduardo Saverin, estudante de economia, e pelo norte-americano Mark Zuckerberg, gênio da informática - amigos que sobreviviam num ambiente repleto de alunos brilhantes de famílias supertradicionais - mostra a trajetória da criação da rede social que se tornou uma das mais poderosas empresas do mundo e que revolucionou a maneira como milhões de pessoas se relacionam.

Ben Mezrich revela os detalhes picantes dos bastidores dessa verdadeira saga, em uma narrativa movida a altas doses de paranoia, sexo, bebida, talento, alguma droga e muita ambição, entre investidores poderosos, mulheres maravilhosas, a busca do estrelato social e muitas, mas muitas intrigas. Criado para unir as pessoas, a história do Facebook é de desavenças e separação.

O efeito Facebook

David Kirpatrick
Tradução: Maria Lúcia de Oliveira
Lançamento: 2011-02-01
Páginas: 392
Preço: R$39,90


Sinopse: Essa história já foi contada: tudo começou como uma novidade entre estudantes no alojamento de uma das universidades mais exclusivas e prestigiadas do mundo. Em pouco tempo o Facebook transformou-se numa empresa com mais de 500 milhões de usuários e obteve um dos mais vertiginosos crescimentos já registrados na história. Na versão de Ben Mezrich, emBilionários por acaso, para atingir o sucesso, Mark Zuckerberg - fundador e CEO da empresa - enganou Divya Narendra e os sócios, os irmãos Winklevoss, e, por influência do controverso Sean Parker, um dos criadores do Napster, passou por cima de seu amigo e sócio, o brasileiro Eduardo Saverin.
Em O efeito Facebook, de David Kirkpatrick, Mark Zuckerberg, eleito o Homem do Ano pela revista Time, conta a sua versão, endossada pelos principais executivos da empresa. Ex-editor sênior de Internet e tecnologia da revista Fortune, o autor não se restringe à gênese da rede social mais popular do mundo, mas analisa seu impacto na vida social de adolescentes e de adultos no mundo inteiro.. Kirkpatrick mostra como Zuckerberg, um jovem de 19 anos, estudante de Harvard, recusou-se de forma categórica e sistemática a comprometer suas ideias, insistindo em manter o foco no crescimento e não nos lucros, e proclamou que o Facebook deve dominar (palavras dele) a comunicação na Internet.

É isso, o primeiro eu até leria, mas esse segundo não me atraiu...
Bjkas...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por comentar no Ensaios de uma Leitura!
Volte Sempre!

Bjkas ^_^