Menu

quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

# Resenha 49: Apátrida - Ana Paula Bergamasco

Páginas: 338
Capa: ★★★★
História: ★★★★
Skoob
Uma pequena vila na Polônia. Uma menina repleta de vida. Um encontro. Vidas Ceifadas. Sonhos Destruídos. Infâncias Roubadas. As recordações da personagem Irena amarram o leitor na História do Século XX. Baseado no estudo dos fatos que marcaram a época, o palco da narrativa é a conturbada Europa pós Primeira Guerra Mundial, culminando com a eclosão da Segunda Grande Guerra e a destruição que ela provocou na vida de milhões de pessoas. A narradora conduz a exposição em primeira pessoa, e remete o leitor a enxergar, através de seus olhos, o cotidiano a que ficou submetida. É um relato humano, sincero e envolvente que revela a passagem da vida infantil feliz da menina, para o tumulto da existência adulta, cheia de contradições.



Apátrida começa nos contando a vida da protagonista durante sua infância, Irena é uma criança doce e ao mesmo tempo forte e decidida, o que ela acredita ser certo vai até o fim. Ela tem mais 5 irmãos se me lembro bem, ela sempre foi mais apegada a Jan, todos eram Poloneses. Ambos tinham um amigo em comum, Jacob, um Judeu. Aos poucos essa amizade de Irena por ele foi tornando algo maior, porém ela sempre guardou isso para si. As coisas não ocorreram do jeito que ela gostaria, Irena passou a viver triste e depressiva. Até que ela conheceu uma outra pessoa, casou-se e foi morar com ele em outro país. Ela passou a amá-lo e teve um filho com ele, quando tudo ia bem, Irena passa por um grande sofrimento. 

Novamente na casa de seus pais, a vida aos poucos volta ao normal, porém por pouco tempo, pois o regime nazista passou a perseguir Judeus e apesar de Irena e sua família serem Poloneses eles também  são vítimas e sofrem com tudo isso. Irena reencontra Jacob, será que tudo se acertará entre eles? Porém, quando Irena acha que as coisas podem dar certo, Jacob por ser Judeu tem que fugir. E novamente a vida dela se transforma, porém ela nem fazia ideia do inferno que passaria. Ela sofreu perdas, humilhações, agressões, porém as coisas pioraram ainda mais ao ser enviada para um campo de concentração com seus filhos, e a única coisa que pensava era sobreviver, mas tudo ficava pior a cada dia.

Esse foi o primeiro livro escrito pela Ana Paula, e olha, ela chegou com tudo. Eu li outros livros com essa temática esse ano e este superou todos. O enredo apesar de ser profundo pela temática, é muito bem narrado e incrivelmente explorado, o que mostra que ela, a Ana Paula, mergulhou a fundo no regime nazista. Os personagens foram muito bons, especialmente a Irena, Rurik, Vassili. Após a metade do livro, alguns capítulos são intercalados entre a vida no presente, no campo de concentração e no futuro pós campo, ou conta no presente no futuro pós campo e no passado no campo, já que ela conta a história de sua biografia. Isso achei um pouco confuso no início, mas nada que atrapalhe. Gostei de saber sobre o Marko no fim. A leitura é rápida, pois sempre queremos saber o que acontece na próxima página. Capítulos curtos, narrativa em primeira pessoa. Um livro nacional 5 estrelas.

É uma história triste, contada belamente. Onde a esperança e o amor, são as únicas armas que te dá forças para sobreviver há uma guerra.

Foi o último livro que li em 2011, e fechei meu ano literário muito bem com esse livro ótimo e nacional. Parabéns Ana Paula Bergamasco.


13 comentários:

  1. Nossa! Eu morro de vontade de ler esse livro, é sempre tão elogiado.
    E eu amo essa temática de guerra!
    Sua resenha me deixou com mais vontade ainda de ler!!
    Parece ser incrível!

    Beijos!
    http://livrosetsurus.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Fechou o ano com chave de ouro viu :D
    Amo essa temática da Guerra Mundial. Esse tema mexe muito comigo. Nunca havia visto uma resenha dele e fiquei encantada pela história. Parece profunda e arrebatadora.
    Bj Gil!
    E que seu 2012 seja mágico!

    -Amigas Entre Livros-

    ResponderExcluir
  3. Parabéns pela resenha Effy! Já li Apátrida e amei! Chorei litros com esse livro! Beijos!

    ResponderExcluir
  4. GIl *-*
    Vejo resenhas desse livro do povo que participou do booktour.
    Eu n vou mentir, acho legal a estória mas n to mt instigado a ler sabe?
    E olha que é sobre um assunto que eu adoro, segunda guerra mundial.
    Realmente parece uma estória triste, n era de se esperar outra coisa, sendo narrado na epoca da segunda guerra. E achei muito bom os capítulos serem pequenos, coisa que eu AMO. kkkkk
    E olha, foi o último livro que você leu no ano, que nenis.
    bjs!

    ResponderExcluir
  5. EU QUERO LER ESTE PARECE MUITO BOM JA HAVIA LIDO OUTRAS RESENHAS DELE PQ COMECEI A PESQUISA-LO DEPOIS QUE GANHEI UM MARCADOR DELE E GOSTEI E ESTE ASUNTO PÓS GUERRA EU ADORO É TRISTE MAS VC SEMPRE TIRA ALGO DE BOM UMA SUPERAÇÃO E A MENSAGEM Q FICA DEPOIS É IMPORTANTE...EM RELAÇÃO AO O CÉU ESTA EM TODO LUGAR, AGORA ME APREGUEI A ELE MAS FOI DEPOIS DA PAG 40 ANTES TAVA ACHANDO PARADO, MAS A HISTORIA TA TOMANDO FORMA E EU TO ADORANDO TAVA PRECISANDO SAIR UM POUCO DO YA BOOK. BEIJUSSSS LINDA!

    ResponderExcluir
  6. Que demais Effy *---------*
    Pelo visto esse livro é divino HOHOHOHOHO
    Quero ler agora U.U Quem manda atiçar nossa curiosidade? kkkkkk
    Linda resenha, meus parabéns, esse ano de 2012 espero ler (; E o melhor, é nacional *O*
    haha Cada dia nossos autores estão melhores neh? hehe
    Sucesso sempre, beeijão ;*


    Ewerton Lenildo - Academia de Leitura
    papeldeumlivro.blogspot.com
    @Papeldeumlivro

    ResponderExcluir
  7. Muy bellas tus letras,
    que tengas un ¡¡feliz año 2012!!
    un abrazo.

    ResponderExcluir
  8. Obrigada pelos parabéns! Nossa...linda a capa e a história tbm parece ser muitaa boa!Beijocas!
    http://palomaviricio.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Ain, que vergonha :x Esse livro vai fazer um ano na minha estante eu ainda não o li. Ele é emocionante de mais e não estou com estrutura para ler ele agora :/
    Beijos,K.
    Girl Spoiled

    ResponderExcluir
  10. Livros com essa temática sempre me chama atenção, não sabia que era disso que se tratava esse livro, gostei da resenha e fiquei na vontade de ler o livro agora, parece ser uma ótima história.

    Ah, Feliz 2012 pra você! ;)

    Bj;*
    Naty.

    ResponderExcluir
  11. Esse livro deve ser demais! Estou louca para lê-lo ainda mais porque adoro esse tema, que apesar de ser triste chama muito a minha atenção.Com certeza deve ser uma história profunda e que merece ser lida.
    Beijos.
    Books e Desenhos

    ResponderExcluir
  12. esse livro parece ser mesmo muito bonito!!!!
    Obrigado amiga. beijos

    ResponderExcluir
  13. Não gosto muito desse tipo de história, fico muito deprimida, mas até tenho curiosidade em ler Apátrida. A história parece ser lindíssima, essa capa é maravilhosa e o livro ainda é nacional. *-*
    Quem sabe eu dê uma chance, se eu tiver oportunidade. :)
    Beeeijos

    Marina Oliveira
    http://distribuindosonhos.blogspot.com

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar no Ensaios de uma Leitura!
Volte Sempre!

Bjkas ^_^