Menu

sábado, 4 de janeiro de 2014

Toda Sua - Crossfire - Livro 01 - Sylvia Day (Resenha #125)

Editora: Paralela (Companhia das Letras)
Páginas: 280
Capa: ★★
História: ★★

Eva Tramell tem 24 anos e acaba de conseguir um emprego em uma das maiores agências de publicidade dos Estados Unidos. Tudo parece correr de acordo com o plano, até que ela conhece o jovem bilionário Gideon Cross, o homem mais sexy que ela - e provavelmente qualquer outra pessoa - já viu. Gideon imediatamente se interessa por Eva, que faz tudo o que pode para resistir à tentação. Mas ele é lindo, forte, rico, bem-sucedido, poderoso e sempre consegue o que quer - Eva acaba se entregando. Uma relação intensa começa. O sexo é considerado por eles como incrível. Capaz de levar os dois a extremos a que jamais tinham chegado. E, então, eles se apaixonam - o que pode ser tanto a chave para um futuro feliz quanto a faísca que trará de volta os traumas do passado.

Devido ao zum zum zum sobre a série e por gostar do gênero, me interessei a ler...Eva Tramell conheceu Gideon Cross no prédio em que ia trabalhar e já foi algo impactante, o desejo a tomou por completo e claro, ela não sabia quem ele era, óbvio haha. Então um belo dia, quando ia para uma reunião com seu chef Mark no andar principal, quem esta lá, quem quem quemm? Gideon! Logo ele passa a “cercar” Eva e logo o inevitável, ou melhor, o desejável acontece. Logo vão conhecendo um ao outro e descobrindo que cada um tem seus segredos que desejam manter a sete chaves e que cada um tem seus traumas por conta deles.

Personagens, Gideon é desejabilíssimo rsrs, nesse livro 1(terminei o 2)além de ser charmoso, sedutor e etc e tal rs, ainda tem aquele instinto protetor, é bilionário e tem seus segredos. Eva, é insegura, assume bem sua sexualidade, é traumatizada e isso vai gerar pano pra manga, opa história. Cary, ahhh para tudo, o que é este personagem, adorei ele. Ele “O” amigo, sempre do lado da Eva, sempre tem boas tiradas rs, ele é outro que tem seus traumas rs. No geral eu gostei dos demais personagens, que envolve o trabalho de Eva.


A narrativa fluiu bem pra mim, as frases do Gideon são ótimas rs. O enredo não foi lá dos melhores, ah tudo terminava em sexo, tomavam café..sexo, almoçavam...sexo, acordavam..sexo, iam para o trabalho...sexo, no trabalho...hum, sexo(tudo bem que é o gênero e dá para entender), só no final que foi aparecendo algo, uma história de fundo. E tá já que a maioria dos livros que venho lendo dessa temática segue a mesma linha. Então o pouco do enredo que sobrou, foi...satisfatório. Uma coisa que deixou a desejar para mim foi que achei muitas coisas repetitivas, principalmente no que diz respeito à Eva para o Gideon( os olhos dele, ai perdi o fôlego, coisas desse tipo), sem falar que ambos são máquinas de sexo(nem tento pensar biologicamente e cientificamente na questão, rs, aliás como outros personagens que li). Algumas vezes me senti lendo 50 tons(adorei). Achei que essa série teria SBDM, não tem. No geral a história foi legal, e o Gideon, mas não superou a minha expectativa, mas vi muita gente que adorou este primeiro livro, por isso que sempre digo, só lendo pra ter a sua opinião. Logo posto a resenha do segundo.



E vocês já leram? tem vontade?
Beijos tuk tuk tuk!

3 comentários:

  1. Oiii Effy, sabe que eu não me interessei nem um pouco por esta série?
    Não sou fã de eróticos e quando eles se parecem tanto é que evito mesmo. ahaha Não gosto de 90% de sexo e nada de trama emocionante para animar. Ao menos esse não envolve o BDSM...
    Espero que os outros livros continuem sendo legais para você.

    Minha Velha estante
    Leitura Nossa de Cada Dia

    ResponderExcluir
  2. Já li esse lvro, confesso que não gostei muito porque esperava algo mais que sexo sabe, no entanto do segundo pro terceiro as coisas vão melhorando

    http://pequenamiia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oii, tudo bom?
    Não tenho a mínima vontade de ler esse livro e nem nada desse gênero, para ser bem sincera. Não tenho nenhum tipo de preconceito nem nada assim, mas li Cinquenta Tons de Cinza e imagino que a maioria das obras desse estilo sejam como ele: muito sexo e pouca história. O que, pelo que você disse, é o caso desse também, né?
    Não me importo com as cenas de sexo, só realmente sinto falta de uma boa história :/

    Beijoss
    Thaís - Instinto de Leitura

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar no Ensaios de uma Leitura!
Volte Sempre!

Bjkas ^_^